Archive | Filhos e Enteada RSS feed for this section

Chantagem emocional. Funciona?

1 jun

Oi Pessoal, tudo bem?

Dia desses maridinho ouviu algo da Ni (filha dele), que não gostou muito. Mas Marido é do tipo “bateu, levou”, não só com ela… mas com a vida. E nessa, a Nicole levou a pior.

Só queria ressaltar que ela está com 9 anos e nessa idade é normal começar a aprender algumas coisas do mundo “adulto”. Como, aprender as piadinhas de mal gosto, aprender o que é um palavrão, aprender a revidar uma discussão e etc. Dai tem apelado para o lado emocional do marido, dando uma “alfinetadinha” ao compará-lo com o padrastro. Acompanhem a discussão:

– Pai, me dá aquilo lá (não lembro o que era)
– Não é assim não, “me dá”, sabe quanto custa? Sabe quantos dias eu tenho que trabalhar pra te dar isso. Será que você tá se comportando, pra ganhar um presente deste valor? (e blá blá blá. O Alex gosta de deixar claro que não é todo mundo que tem, o que ela tem hoje e ela deve valorizar isso. Ex: Ela quer um violão e ele disse que só ajudaria se ela pagasse a metade, resultado: agora ela está juntando dinheiro. Eu assino em baixo.)
– Pai, você é “mô” chato! O Davi é mais legal que você…(Davi é o padrastro)
– Ah é? Então vai pedir pra ele comprar pra você. Quero ver se ele compra…(ela ficou emburrada e não falou nada. Ele ficou puto, mas conseguiu se controlar pra não ter uma crise de ciúmes do padrastro, rs.)
– Tá ouvindo Nicole? Na hora de pedir dinheiro, pede pra ele….na hora de me pedir pra te levar na casa das suas amigas, pede pra ele. Eu quero ver se ele vai te levar e te dar tudo o que eu te dou. Não vai! Sabe por quê? Por que ele não é seu pai. Quer que eu volte o carro? Daí você vai lá dormir com ele...(estávamos indo pra casa.)
– Não Pai!
– Então você pensa bem o que vai dizer.

O climão pairou no ar e eu tive que entrar no papo, querendo ou não, sou a madrasta e ela têm que entender o papel de todos nessa relação. Expliquei pra ela que assim como eu não sou a mãe dela, o Davi tbm não era o pai. E as únicas pessoas que realmente vão fazer de tudo por ela, pro resto da vida…são os pais dela. Assim como ela vai fazer, quando ela tiver os filhos dela e etc.

Ela falou “eu sei” num tom de arrependida e tudo voltou as boas. Mas marido é vingativo e sempre que ela ia abraçá-lo, ele falava: “Vai lá com o Davi, vai”

kkkkkk. Homens, quem os entende. Morrem de ciúmes, mas juram que não…ser durão nos dias de hoje é difícil meu bem!

E com você, a chantagem emocional funciona?? Comigo sim, basta fazer aquela carinha do gatinho do Shrek que eu fico logo derretida, rs.

…Se bem que, a Ni apelou vai?! 😉

Beijos Van

Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

A madrasta veste Prada?!

2 maio

(Cena do filme, antes da transformação do visual da atriz)

Ontem fui no shopping com o Marido e a Ni (enteada). Só porque íamos arrebentar a “boca do cartão”, as lojas estavam fechadas e nós havíamos esquecido que era feriado, hehe.

Fomos no MC Donald’s e sem querer paguei por um Mc Chedder pra Ni. Digo sem querer, porque ele me custou R$ 9,75 – detalhe, era só o lanche!. Maridão está bravo comigo até agora =(.

Pensei que ainda estivesse na promoção por R$ 5.00 e pra variar, bati com a cabeça na parede pra provar ainda mais minha teimosia…Ele com toda razão do mundo, me jogou na cara que tinha avisado, mas eu continuava achando que R$ 9,75 era o combo! =/ Pois bem.

Não feliz com toda a situação, Nicolinha puxa um papo….reparem NO PAPO, rs:

– Vã, você já assistiu o filme “O Diabo veste Prada” ?
– Sim, por quê?
– Toda vez que eu assisto, eu lembro de você! (e deu aquela risadinha do tipo “hihihi”)
– Por quê?
– Nada não…hihi
– Fala!
– Nada não…hihi
– Vai Ni, fala logo! (dei uma risadinha de ansiosa…a moça do filme é linda, achei que ouviria um elogio né?!)
– É porque você parece com ela, antes de ficar famosa!

Adoro a sinceridade infantil ¬¬’.

Sim, ela me chamou de brega! Se já não bastasse eu estar realmente sem roupa e pior, sem verba disponível pra gastar…ainda estar com uma “pancinha” que não é minha e ainda ficar mais velha essa semana….tive que ir dormir com este elogio. ¬¬’

Pra não ser grossa, só respondi que precisava mesmo comprar umas roupas…Não fiquei brava com ela nem nada, simplesmente ela falou a real. Tô mesmo meio brega no mercado da moda…rs. Marido mesmo, vira e mexe comenta as minhas roupas. Falar nisso, já comentei que ele adora aprovar ou reprovar os visuais alheios?! Ele comenta, dá palpite, sabe o que está na moda e mais, é meu personal style…sim, ele manda bem nos figurinos =). Disse que vai comigo escolher meus novos modelitos, hihihi

Ahh antes de dar tchau, já cadastrei o blog no “Top Blog 2011”, quando começar a votação VOTEM EM MIM hein, rsrs

Beijos e ótima semana

* Van *


Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

Não traumatize uma criança!

22 fev

…Muito menos seu filho, seu irmão, seu primo…crianças que você ama e quer bem!

Quando somos criança temos o ouvido muito aguçado, estamos ali, brincando com a bonequinha ou com o carinho…mas com o ouvido grudado no papo dos adultos.

Eu fui assim, minha irmã é, minhas sobrinhas, minha enteada…enfim, todas as crianças do meu convívio.

Porém tem coisas que elas ouvem que podem traumatizar, veja o que rolou comigo dia desses…

Estávamos em um churras, quando marido saiu para comprar um uísque e voltou com a Nicole. A festa não estava no começo e quando ela chegou o pessoal já estava meio alterado, cantando, conversando alto, zuando, mas não davam vexame, tipo vomitando e etc.

Assim que ela chegou no churras, veio até mim e GRUDOU na minha perna, chorava desesperadamente, aquele choro de soluçar sabe? Consegui fazer ela largar a perna e abraçá-la, perguntei o que tinha acontecido, porque ela estava daquele jeito e a única coisa que ela repetia era:

– Me leva embora, eu quero ir pra casa, não quero ficar aqui…me leva, por favor.

Consegui acalmá-la um pouco, peguei o carro e levei ela para casa (era perto), no caminho perguntei se tudo isso era por causa do tio, que ela comentou uma vez ter visto jogado no portão de casa, desacordado de tanto beber…ela disse que também era, mas que não queria ficar ali e ver o pai dela passar mal (o pai dela nunca passou mal perto dela).

Ela disse que não gosta de gente que bebe, porque “eles” mudam e ficam estranhos. Expliquei que não é porque o tio dela bebeu e não se controlou que todos eram assim, que pessoas eram diferentes…(tentei fazer uma lavagem na mente). Ela disse que quando o pai bebe ele fica muito diferente e ela não gosta, e o Davi (padrastro) uma vez bebeu com os amigos e chegou em casa caindo, daí a mãe  dela deixou ele na sala com um balde pra ele vomitar.

O que eu percebi é que ela morre de medo de ver as pessoas que ela gosta nessa situação delicada…Mas não teve jeito, tive que levar ela embora…

Mais tarde o Alex ligou pra mãe dela pra explicar o que aconteceu e saber sobre esta história do padrasto…ela explicou que a Nicole nunca viu o Davi bêbado e nem o próprio tio…mas nas duas situações o papo era de adulto e ela estava ouvindo. OU SEJA, montou toda a cena em sua cabeça e agora não tem quem tire essa neura dela!

Inclusive a mãe dela até comentou que ela já fez essa cena de desespero com ela, mas que nunca tinha feito conosco (e olha que a gente só sai pra festas assim). Até tivemos um casamento e ela não quis ir, quando avisamos que teria bebida.

Sempre que bebíamos e ela ficava conosco a única preocupação dela era EU dirigir. Nós mal entrávamos no carro e ela já ia falando:

– Van, você vai dirigir né? Papai, a Vanessa que vai dirigir viu?!

A mãe dela contou que uma vez ela chegou falando que o papai estava bebendo e estava entranho. E que eu estava bebendo também, mas depois tomei refrigerante e fiquei beleza.

Ou seja, ela sabe que não havia perigo eu pegar o carro, porque eu sempre bebo uns refri quando sinto que estou ficando estranha, hehe

É delicado, mas traumatiza!

OBS: Ressalto que o “estranho” que ela diz, é estar alegre, falando alto, rindo, zuando…e não trançando as pernas, caindo e etc!

Fica a dica: Sempre veja se tem alguma criança por perto, ouvindo o papo dos adultos. Veja se sua postura é uma postura que seu filho, sobrinho, primo e outros, irá se orgulhar, principalmente se eles estiverem no mesmo ambiente e se neste ambiente rolar bebida alcoólica ou qualquer coisa coisa ilegal para as crianças. E o principal, não ofereça bebida alcoólica à menores!

E você, tem alguma história de trauma infantil para contar? Divida com a gente, vamos expandir este papo e trocar experiências =)

Beijos * Van *


Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

Eduque seu filho corretamente!

5 fev

“Todo mundo ‘pensando’ em deixar um planeta melhor para nossos filhos… Quando é que ‘pensarão’ em deixar filhos melhores para o nosso planeta?”

Uma criança que aprende o respeito e a honra dentro de casa e recebe o exemplo vindo de seus pais, torna-se um adulto comprometido em todos os aspectos, inclusive em respeitar o planeta onde vive…

“A Grandeza de uma nação, e seu progresso moral, pode ser julgada pelo modo que seus animais são tratados.” – Mahatma Gandhi

“A alma dorme na pedra, sonha no vegetal, agita-se no animal e acorda no Homem” – Léon Denis

“Se um cão não vier até você após ter olhado em seu rosto, você deverá ir para casa e examinar sua consciência” – Woodrow Wilson

Passe adiante! Precisamos começar JÁ!

De uma esposa consciente,

* Van *


Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

Tem msn? Adiciona eu aí! =)

 

Pedofilia é Crime. Denuncie!

13 jan

Se você caiu neste blog, atrás de comer a enteada, ou fazer sexo com a enteada, ou de pegar a enteada….vá se ferrar seu pedófilo maldito e fique sabendo que seu eu conseguir te identificar por aqui, eu vou te denunciar! E você ao invés de comer, vai dar a bunda lá na cadeia!

Aos meus leitores, desculpe-me a “boca suja”. Mas se você assim como eu, fica revoltado(a) quando ouve falar em abuso sexual infantil e sente vontade de meter a mão na cara do “filha da mãe” que faz isso com uma criança inocente, continue lendo este post!

 

Quem segue o blog à algum tempo, sabe que tenho uma enteada de nove anos, uma irmã de onze, sobrinhas pequenas e várias primas e primos. Desde que montei este blog e comecei a falar sobre minha enteada, tenho notado que todo santo dia algumas pessoas encontram meu blog buscando por outra coisa:

pessoas que gostam de crianças
Por isso, resolvi fazer este post para deixar documentado que tenho repugnância em adultos que abusam de crianças. Na minha opinião, pessoas que cometem este tipo de crime deveriam ser mortas. Sim, eu sou a favor da pena de morte…se este tipo de “punição” acontecesse aqui no Brasil, esses vermes pensariam duas vezes antes de tirar a inocência e os sonhos de uma criança.

Peço a Deus que este crime nunca aconteça na minha família, pois se um dia acontecer eu, com certeza, farei justiça com minhas próprias mãos.

Mudando um pouco o rumo da prosa…

Existe uma instituição que protege a criança e o adolescente contra a violência sexual, ela se chama CERCA (Centro de Referência da Criança e do Adolescente) o site deles é http://www.cerca.org.br. Se você desconfiar de qualquer coisa, seja um amigo, conhecido e principalmente dentro de casa, denuncie! Ajude a salvar a inocência e a malícia de todas as crianças deste Brasil.

Veja que interessante a campanha desta instituição. Se estiver ruim pra ler, clica que aumenta, tá?

A novela Passione (que eu acompanho sem falta) abordou este tema para ajudar no combate a exploração sexual. A Clara e o Gerson, foram abusados na infância e na vida adulta demonstram o trauma que levam em suas vidas. Se você não gosta/acompanha a novela, busque no google, vale a pena entender um pouco mais sobre os traumas enfrentados por uma criança ou adolescente que sofreu e/ou sofre abuso sexual.

E você o que acha do assunto? Já passou por isso? Conhece alguém que passou? Comenta aí…

OBS 1: Resolvi aproveitar que este “zé povinho” está achando meu blog em busca de segundas intenções e botar a boca no trombone, expondo minha opinião sobre este assunto.

OBS 2: No niver da Ni ganhei o 3 pedaço do bolo, depois do Pai e da Mãe….”Misinti” já que ela nunca falou meu nome na hora de distribuir o pedaço. Na verdade ela dava o primeiro e ia comer o dela, hihi.

Beijos Van

Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

Tem msn? Adiciona eu aí! =)

 

Há 9 anos…

10 jan

Nascia a princesinha de um homem que um dia eu chamaria de Meu Marido!

É, hoje a minha filha postiça faz aniversário, 9 anos! Nossa, como o tempo passa rápido…quando eu a conheci, ela era bem gordinha, pequenininha, tímida e tinha só 2 anos.  O pai arrotava e ela dizia:

– E, poco! (Achavamos o máximo ela falar errado, tão bonitinha)

* Achava que as freiras eram na verdade a “Virge Maria”.
* Achava que para comprar as coisas, era só passar o cartão. (Fiz isso 1 vez e desde então ela me pedia alguma coisa e falava: Passa o “catão”)
* Achava normal dizer pra mãe dela: Olha mãe, a namorada do papai.

Entre outras coisas…Foi emocionante (mas um pouco dolorido, rs) o 1 dia que ela dormiu nos meus braços indo pra São Paulo. Este dia eu não esqueço, ia conhecer a sogra…Ela adorava brincar comigo, e a cada dia uma conquistava a confiança e amizade da outra. Até hoje somos amigas e muitas vezes, confidentes. Acho que se não fosse assim, com certeza eu não estaria mais com o pai dela. Agradeço por termos essa relação tão bacana.

Mas hoje ela está crescendo, quase uma pré adolescente fazendo 9 anos. E é claro que neste dia, assim como em todos os outros, eu desejo tudo o que o bom Deus pode oferecer de melhor à ela…muita saúde, alegria, felicidade, amor e juizo! rs

Segue uma fotinha dela com o marido barbado.


PORÉM eu estou chateada com ela. Triste mesmo!

Sexta ela estava em casa e enquanto comia, me olhava. Olhava muito! Achei estranho, mas não disse nada…e ela continuava a me olhar, encarando mesmo. De repente o pai entra no quarto e fala pra ela comer logo e ela solta:

– É que eu ia falar…como é seu nome mesmo? Deu uma risadinha e continuou…esqueci!

Pô achei um absurdo, conheço ela à séculos. Ela mal falava naquela época e como assim esqueceu meu nome? E todo aquele amor? E toda aquela amizade? E as cartinhas e desenhos pra Vanessa? E todo aquele beijos e abraços que ela me dá? Simplesmente esqueceu?

Eu falei:

– Nossa Nicole, é Vanessa né?! E ela começa a dizer o que ia dizer, quando eu a interrompo
– Tô de mal de você, não quero conversa, não. Tô triste! Ela fica perto de mim meio sem jeito e diz:
– É que eu tinha esquecido… e eu continuo
– Tô de mal…e fico emburrada no meu canto.

Ela também ficou na dela, meio triste, mas não dei trégua. Depois de um tempo voltei a falar com ela, mas ainda estou chateada. Contei até pra vó dela, rs. Quando voltei a conversar, tudo o que ela ia me dizer eu interrompia e dizia:

– Peraí, mas qual é seu nome mesmo? Eu esqueci.

É claro, fiz um drama! Ela achava engraçado eu perguntando o nome dela toda hora, mas no fundo eu estava muito triste.

Quando ela dormiu, comentei com o marido que ainda estava triste, indignada. Ele me disse que é normal, que quando ela fica muito tempo com a mãe dela, ela chama ele de mãe e por ter ido viajar e ter ficado longe da gente na virada do ano, poderia ter dado um branco…

Mas sei que ele disse isso pra me poupar, pra não me deixar chateada. Pq se ela perguntasse pra ele o nome dele, ela apanhava, rs. Mas ainda não engoli, tô triste e indignada. Pô se ela tivesse me conhecido agora, se tivesse me visto poucas vezes…mas quase 7 anos de convivência! Ah não, não desculpo! E o drama? Ele vai continuar, pra ela não esquecer nunca mais…assim que tiver oportunidade, vou fazer o mesmo, ficar olhando pra ela e depois perguntar o nome, rs.

E podem falar, sou dramática mesmo!

Pior que depois que isso rolou e eu voltei a falar com ela, ela estava um grude. Me abraçava, mexia no meu cabelo, pegava na minha mão, me dava beijo e era “Vanessa pra cá e Vanessa pra lá”…parecia que ela estava decorando meu nome, mas eu encarei como um pedido de desculpas, rs.

E vocês o que acham? Coisa de pré adolescente com muita informação na cabeça? Ou será que minha enteada é a Dori de Procurando Nemo? ;-P

filme procurando Nemo

Responde aí!

Beijos Van


Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

Tem msn? Adiciona eu aí! =)

Voltando com TUDO!

4 jan

Oi Moçada, tudo bem com vocês?

Finalmente, voltei! As férias chegaram ao fim e tudo voltará ao normal por aqui. Tenho mil coisas e fatos pra contar, afinal foi o primeiro natal e ano novo como esposa, “né não”?! rs

As mudanças no blog ficaram para depois das férias, como trabalho com computador, decidi “mal” ligá-lo no meu período de descanso…Então, assim que eu pegar o marido pra fazer a criação, as mudanças aparecem…kkk

Passamos o Natal e a Virada do ano em SP, com a mãe e irmãs do marido…minha nova sobrinha veio ao mundo dia 29/12 acredita? Minha cunhada recebeu alta dia 31, quase passamos a virada no hospital, rs. Ela é linda e quietinha, se chama Ágatha e eu estou apaixonada por ela.

É incrível dizer isso, mas brotou em mim uma vontade louca de ser mãe. Não sei sei foi por causa da Ágatha ou se é a pressão dos familiares, já que agora estamos casados e tanto na família do marido, quanto na minha só tem meninas e eles pressionam para terem um menininho!

Enquanto segurava ela no colo, ainda no hospital, brinquei com o marido:

– Amor, quero um desse!
– Oi?
– Quero um desse…
– Oi?
– Besta! Tô falando sério…quero um desse!

Ele deu risada e disse que ia comprar um pra mim, depois disse que ia adotar e depois disse que eu precisava arrumar um marido rico e depois que eu precisava arrumar um pai e mais um monte de besteiras…Já que eu sempre dizia a mesma coisa, quando nós dois estávamos com a Agatha.

Daí aconteceu um fato louco, comecei a ficar chateada com essas frases do marido e durante uma conversa sobre um rolo do amigo dele (ele ama uma menina, mas existe outra que está gravida dele. Mas quando a menina que ele ama descobriu a gravidez disse que sentiu seus sonhos roubados, pois ele estava sendo pai de uma criança, onde ela não era a mãe)…aproveitei a deixa e comentei que às vezes me sentia assim, pois quando eu tiver nosso filho ele já saberá de tudo, não vai ser uma descoberta pra ele…assim como está sendo pra minha cunhada e meu cunhado, já que a Agatha é a 1 filha deles. O Alex foi paizão, cuidou da Nicole desde pequenininha, com meses ainda…trocou fralda, fez mamadeira, levou na creche e tudo mais….

E outra, ele enjoou da mãe da Nicole quando ela estava grávida, ele não conseguia chegar perto dela, pois enjoava só com o cheiro dela. Imagina se acontece isso comigo? Acho que peço o divorcio!

No dia 1 à noite, fizemos um churras e maridão bebeu todas, começou logo a tarde. Lá pelas tantas, fui deitar e deixei ele com os amigos…de repente ele me acordou de madrugada, querendo conversar sobre este lance de filhos. Me disse coisas lindas, me tranquilizou sobre o fato de ele enjoar da ex, disse que me viu fazendo a mamadeira e perguntou como eu sabia…que ficou me imaginando de MÃE, e disse que se eu quiser dá para termos filhos agora…Ficaremos meio apertados, mas dá, isso se não fomos para Portugal (mas a probabilidade é baixa).

Achei muito fofo, conversamos sobre outras coisas…sobre nossa vida de casado, nossos planos, nossas contas, nossas alegrias e tudo mais. Disse pra ele que senti sim uma vontade louca de ser mãe e que fiquei triste pelas brincadeiras que ele fez, parecia que não estava afim. E ele me corrigiu dizendo que era brincadeira mesmo e que pensou que eu havia notado…Ele quer ser pai de novo, de preferencia de um menino, e se eu quiser, agora.

Mas amarelei, disse que quero esperar, aproveitar mais a casa só pra gente, essa vidinha boa e daqui uns 2 – 3 anos a gente fala com a cegonha. Até lá a Nicole vai estar um pouco maior e poderá entender um pouco mais, acredito que hoje ela sentiria muito ciúmes.

E ficamos nessa, rsrs.

Ahh, mudando de assunto, recebi meus livros do Itaú, vocês receberam? São lindos, bem ilustrados e bem produzidos.

Por hoje é só, amanhã tem mais =)

Beijos e saudade de todos.

* Van *

 

Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

Tem msn? Adiciona eu aí! =)

Neuras da esposa X Frases da Enteada

23 nov

POST 1 – Neuras da Esposa

Manhã de um sábado qualquer.

A esposa está durmindo virada para a parede.

Ela se vira para o lado do marido na intenção de abraçá-lo.

De repende, ela dá um pulo da cama, percebendo que o marido não está ali! Fica pensando ainda meio tonta (de sono) onde ele pode ter ido.

Da cama ela checa a cozinha, mas não vê ninguém…

Começa a se ajeitar para levantar da cama, quando ouve um barulho de descarga!

Pensa aliviada: UFA, ele tá aqui.

Deita e tenta dormir de novo.

=========================================================================================================

POST 2- Frases da Enteada

O marido e a esposa estão vendo TV, deitados na cama.

Estava calor. O marido usava bermuda e estava sem camisa, a esposa usava um shotinho e regatinha.

As crianças (irmã + enteada da esposa) brincam no quarto ao lado.

De repente a enteada senta da beira da cama, coloca a mão na perna da esposa e diz:

– Olha a coxinha dela. (e dá uma risadinha, do tipo: hi hi)

A casal se olha e começam a rachar de rir. Não entendendo o PQ daquela frase.

———————————— Passam-se os dias ——————————————–

– Marido coloca a mão na perna da esposa e diz: Olha a coxinha dela
– Esposa coloca a mão na perna da marido e diz: Olha a coxinha dele

E essa vira a brincadeirinha “boba” do casal.

P.s. Ahhhh essa minha enteada…É uma figura, rs.


Acompanhe o Blog através das Redes Sociais:

Tem msn? Add eu ae! =)

A Saga Restart x Dia das Crianças (2 post’s em um)

13 out

calça colorida, estilo colorido

Gente, minha filha postiça quer virar emo! rs. Aliás já virou…mês passado fomos comprar um tênis pra ela, e ela já tinha em mente o que queria . Tinha que ser aqueles coloridos, do estilo Restart sabe? Mas o tênis não poderia ter rosa…só azul, verde, amarelo ou laranja, por isso deu um trabalhão…fomos nos 3 principais shopping’s de Campinas, até que encontramos no último shopping e levamos pra casa. Lá mesmo ela já pediu uma calça colorida, azul, laranja ou verde…menos rosa e vermelho para poder usar com o tênis. Ok, marido disse para ela se comportar e se merecesse ganhava de Dia das Crianças…ok, feito o trato.

De lá pra cá demos uma olhada nessas calças…mas como ainda não era a hora, não procuramos a fundo. Brasileirinhos né?! Deixamos pra última hora…

Neste feriado fomos sábado pra SP na casa da sogrinha, antes passamos na casa da tia Sí tbm em SP e a acompanhamos à feira. Top por sinal…poderia ter alguma deste nível aqui em Campinas. Na barraquinha de CD’s e DVD’s, a Vitória (minha irmã) e o Luizinho (meu primo) procuravam jogos para o play station 2, enquanto isso a Nicolinha encontrou o CD do Restart…quis pq quis, marido reclamou pq era do camelô, mas como na mão dela não ia durar mto tempo um original, rs…então, beleza! Levou e na casa da tia Sí mesmo já quis colocar pra tocar. Nananinanão…ninguém merece! hehe. Foi ouvindo no carro mais tarde…

Voltamos de SP na segunda e mais tarde levamos ela embora. Combinamos de pegar ela no dia seguinte (dia das crianças) para irmos comprar a tal calça colorida. E lá fomos nós…o shopping estava um inferno, poucas lojas abertas e só encontravámos calça rosa e tamanho 16 (ela usa 12). Apenas uma serviu, mas era roxa. Resultado: Vamos neste sábado dia 16/10 no centro da cidade atrás dessa calça, e pra ajudar vamos ter que comprar 2, pq a Vitória minha irmã de 10 anos, tbm quer de presente do dia das crianças!!

E vocês, fizeram o que no feriadão?

 

POST 2 – FEEDBACK DO POST ANTERIOR (Bate papo com a Enteada)

 

É galera, voltei de SP na segunda (11/10) diretinho pro Shopping…atrás do presente para a mãe da Nicole…não poderíamos levar ela embora, sem antes comprar o presente, afinal estavámos no dia do aniversário da mãe dela. O foco da Nicole era uma blusa, porém sugeri um pijama…já que o ano passado ela já tinha dado uma blusa.

Ideia aceita, modelo escolhido (shots e blusinha) e pronto. Foi no caixa e pagou…tudo sozinha. Marido ficou todo orgulhoso da independência da filha. Ela tinha ganhado uma graninha da minha cunhada, e foi pro caixa com essa grana. Porém ficamos com dó, já que ela ficaria “dura” com a compra do presente. Então pagamos pra ela e com a graninha dela, ela contribuiu com apenas R$ 10.00. Apenas para dar valor ao presente =)

No dia seguinte, dia das crianças, pegamos ela para irmos comprar a calça colorida (citada acima) e perguntei:

– E aí Ni, sua mãe gostou do presente?
– Que presente?
– O que a gente foi comprar ontem Nicole? Maridinho já pergunta meio que: stressando…
– Ah é, gostou sim. Ela ficou feliz quando viu.
– Que bom. Respondi.

Pausa de 5 segundos

– Mas ela ainda não usou, pq ontem nós não tomamos banho…

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, todo mundo racha de rir com a frase dela. Menos ela, que não entendeu a piadinha…

– Que foi? Vocês tão rindo de quê?
– Nada não Nicole, só você mesmo viu! (Marido responde, vermelho de tanto que riu)
– Ah, não entendi….ficou lá, com cara de UÉ

Criança diz cada coisa viu….hehe

 

Essas e outras no Twitter e Facebook

Bate papo com a Enteada

8 out

– Van?
– Oi.
– Você tem dinheiro?
– Pra quê?
– Pra gente ir no Shopping
– Hum, o que você quer comprar?
– Presente pra mamãe, é aniversário dela dia 11.

5 segundos de pausa dramática, já com o comentário do marido embutido:
– hahaha arrumou pra cabeça hein.

Respondo:

– Tá bom, vamos no outro final de semana no Shopping, dá tempo ainda, tá?
– Tá bom.
– O que você quer dar pra ela?
– Ah não sei, acho que um vestido….Ela tem um, mas não usa.
– Porque?
– Ela diz que não tem coragem.
– Porque?
– Não sei…

Pausa no papo por 5 segundos e todo mundo pensa no PQ

– Acho que vou dar um ursinho então.
– Mas ela vai gostar?
– Não sei, acho que vai.
– Dá outra coisa que ela use, o ursinho ela vai gostar, mas vai ficar guardado ou de infeite na cama dela ou no guarda roupa.
– Ah é….hum….e uma calça?
– Ah, calça é caro né Ni.
– É verdade…hum…e uma blusa?
– É, blusa pode ser.
– Eu dei aquela ano passado e ela gostou (fomos juntas tbm, mas a verba era da mesada dela hehe)
– Tá bom, depois vamos comprar então?
– Vamos
Eba!! (fica toda contente pq eu topei)

É…madrasta é para essas coisas, até para gastar com a ex do seu marido, kkkk

O que eu não faço pela minha filha postiça, como poderia dizer “NÃO!” para aquela carinha, me pedindo meio sem graça pra liberar uma grana pro presente da mãe dela.

Bom, antes eu do que o pai dela para escolher o presente hohoho. Momento #ciumes…se bem que: a grana é conjunta, então. Faz parte.

É então….dia 11/10 tá “ae”. O que você vai fazer no feriado?

Eu? Eu vou no shopping! rs

Essas e outras também no Twitter e Facebook.

%d blogueiros gostam disto: