Tag Archives: defeitos do marido

Vida Financeira. Como evitar brigas?

14 jul

Galera este post foi criado com o intuito de ajudar ou orientar, pois é um assunto muito comentado e às vezes até, muito discutido entre os casais.

Antes de começar ressalto que cada casal deve encontrar a melhor maneira de lidar com o dinheiro de ambas as partes, para que todos fiquem satisfeitos. Pois o “Dinheiro” é o motivo que mais causa o fim de relacionamentos, é sério, já foi comprovado! Vou contar o meu caso, que até hoje está dando certo…

Desde à época de namoro, aliás praticamente desde o começo dele, eu e o Alex juntamos os pagamentos e pagamos as contas juntos. Eu que sou mais organizadinha, fiquei como responsável e listo em uma folha (é antigo, mas prefiro, rs) tudo o que agente deve, é importante centralizar td em uma pessoa, mas a outra deve participar.

Esta folha fica em uma pastinha junto com todas as cartinhas de boletos, carnês, etc e tal que recebemos. Eu coloco as contas fixas, as parceladas e tudo o que está pendente, até aquela “pindura” emprestada do amigo. Fica mais ou menos como o exemplo abaixo, é claro que os valores são fictícios, rs:

Agosto! (sempre o próximo mês)

Carro – 500,00
Cartão de Crédito:

  • Sapato – 130,00 (x3)
  • Presente – 50,00 (x2)
  • Roupas – 100,00 (x3)

Aluguel – 200,00
Condomínio – 100,00
Fulado – 10,00
Ciclano – 30,00

E assim vai, todo mês jogo fora a folha do mês passado e faço uma nova, diminuindo as parcelas, incluindo mais coisa, e retirando algumas =). Eu sei que é óbvio, e que tudo isso têm nas faturas que as lojas mandam, mas foi um jeito que encontramos de nos organizar e manter tudo em dia.

Com essa “listagem” das dívidas, sabemos exatamente o quanto virá no cartão, ou pior, se mês que vem, vamos conseguir pagar todas as contas, ou não. É um modo de gastarmos menos, pois sabemos que se gastarmos hoje, não teremos amanhã. É triste, mas é verdadeiro! rs.

JUNTOS, listamos tudo o que vamos pagar primeiro e vamos ao banco. Ou então, ele leva algumas contas pra um banco e eu pra outro, e no final a gente se encontra e arruma os papéis para deixar tudo organizado.

A folha do mês passado eu vou colocando OK, (isso no dia 5), por que às vezes não dá para pagar tudo no mesmo dia ou até no mês, então lá pro dia 10 eu jogo essa dívida pro mês que vem, no papel novo, rs.

As contas pagas eu guardo em uma caixa, sempre em ordem decrescente e separadas por empresa, por exemplo: Todas de Cartão de Crédito, Todas da Facul e assim vai…fica mais organizado, caso dê algum problema e eu precisar de um papel antigo, desta forma vou achar facinho, facinho =P.

O dim dim que sobra vamos gastando juntos, tudo o que cada um gasta (até os detalhes) o outro fica sabendo, é um modo de deixar tudo “as claras” e não gerar desconfiança.

Nós não ligamos muito pra grana, no sentido de quebrar o pau com o outro porque um pagou aquele bar e o outro não pagou nada…Acho que isso não acontece pq a verba é dos dois, e os dois sabem o quanto têm em caixa.

Mesmo antes de juntarmos as verbas, quando saíamos era tudo rachado. Nunca gostei que me bancassem, nem ele, então era tudo divididinho. Quando um não tinha, o outro pagava, e na próxima invertia a história, sem choro nem vela!

Vocês devem estar se perguntando, mas quando começa essa vida financeira à dois? No nosso caso foi no buraco! É, rs, estávamos ferrados com milhões de cartões e sem um puto pra pagar…começamos a juntar as verbas e ir eliminando as contas prioritárias de ambos, as que têm mais juros e etc. Hoje conseguimos quebrar 5 de 6 cartões que tínhamos e este que sobrou é conjunto, ou seja, acabou, acabou!…Fora as outras coisas que conseguimos colocar nos eixos.

Tem gente que marca por dia o que gasta, pra medir o quanto gasta com besteira e o quanto gasta por necessidade. Já tentei fazer, mas não deu certo…hahaha…se der certo com vocês me contam como é, porque essa, também é outra opção. Ficará bem mais organizado do que eu faço.

Bom é isso, só quis dividir com vocês a nossa maneira, para que fique como opção até vocês acharem a de vocês, sendo essa, ou não. Conosco sempre deu certo, nunca brigamos por dinheiro ou contas, e espero nunca brigar, rs.

Seguimos o ditado “Devagar e Sempre”, têm dia que dá e dia que não dá, fazer o quê?! rs

Meus pais já fizeram como eu e o Alex, mas minha mãe controlava os cheques e meu pai soltava eles, então, sempre acabava na briga. Hoje não tem mais cheques e depois da separação da conta conjunta, também não tem mais briga =)

Eles como também outras pessoas que conheço fazem diferente, cada um paga determinadas contas e o que sobrar é dos dois, mas cada um vai comprando e gastando a sua parte no que quiser. Se faltar no meu, o marido ajuda e vice versa. Mais uma opção…

Existem vários sites que dão dicas de como sair do buraco, o Dinheirama é um bem bacana, que traz textos fáceis de entender e não aquela coisa chata e cansativa sobre finanças!

Separei algumas matérias de lá, se puderem deem uma olhada é bem bacana.

Finanças para casais – O começo
Casamento: como manter a unidade financeira do casal?
Conta conjunta?
Livro: Casais Inteligentes Enriquecem Juntos

No caso de vocês é como? Melhor ou pior?

Beijos e até mais.

Anúncios

Verdades do Casamento

30 jun

Antes de casarmos eu e o Alex ficamos juntos por quase 6 anos, porém sempre muito próximos, no sentido de contato físico mesmo, vou explicar!

Trabalhamos juntos na Tent Beach por aproximadamente 2 anos, depois eu entrei na Lógica Digital e cerca de 1 ano mais tarde, o Alex também entrou. Estamos no mesmo local de trabalho até hoje (quase 3 anos), porém em salas diferentes, já que agora existem 2 empresas: A Lógica Digital (onde o Alex trabalha) e a MundoClick nova empresa do grupo (onde eu trabalho).

Estudamos na mesma faculdade e no mesmo horário, saímos com as mesmas pessoas e fazemos praticamente tudo juntos…Vocês devem estar se perguntando: – “Nossa que coisa mais chata, um grude!”. Mais na verdade, não é não! Somos amigos, gostamos das mesmas coisas, trabalhamos na mesma área, trocamos ideias de tudo e de todos (hohoho) e nenhum dos dois é daqueles casais que ficam se atracando publicamente, rs. (nada contra, isso é opcional)

Toda essa introdução é pra falar que durante todos esses anos, e devido à essa proximidade “BEM próxima”, eu já sabia todos os defeitos (ou quase) e as qualidades que ele possuia, e da parte dele a mesma coisa!

AVISO: A primeira semana de casado…a famosa lua de mel, é realmente linda! Um romantismo, tudo é amor eterno, essas coisas bem fofas que só acontece na novela! Você faz tudo pra ele, ele faz tudo para você….o céu é azul, e o amor é lindo! hahaha

Mas NÃO SE ENGANE MEU BEM! A vida de casada começa na 2 semana (tchan!) é quando você volta a trabalhar, é quando chega em casa e têm que fazer a janta, lavar a louça e etc, etc…é normalmente neste período de adaptação que as tretas começam a rolar, hehehe.

Bom, no meu caso não teve brigas extremas, pois já nos conhecíamos muito bem… Porém é mais ou menos assim:
Ressalto que os fatos são reais!

1 SEMANA:

Ele: Amor, você não estendeu sua toalha direito (ele é extremamente perfeccionista)
Ela: Ah é verdade amor, vou agora (ela arruma com todo o cuidado e alinhamento possível só pra agradá-lo)
Ele: Amor, você sabia que depois de usar o vaso, é bom baixar a tampa? (com toda delicadeza e explicação verídica sobre o assunto)
Ela: Nossa é verdade tudo isso? Vixe, nunca mais vou esquecer então! Te amo! Oh homenzinho inteligente (num tom de amor eterno e palavras sinceras)

2 SEMANA:

Ele: Ow, você aí, vai estender a tolha direito vai…(ele é stressado e grosso por natureza, rs)
Ela: Ai caraio, denovo este papo! Tá esqueci…depois eu vou! (dá um tempinho pra não perder a moral e vai, rs)
Ele: Puta merda, você é homem? Baixa a tampa da privada caraio
Ela: Você é um “véio” mesmo, eu gosto de ver a água limpa antes de sentar…(explicação real por ter esquecido, rs)

3 SEMANA:

O casal vai pra Serra Negra com os sogros dele, no meio do papo ele solta:

– Nossa, a Vanessa não estica a tolha, não baixa a tampa do vaso, não lava a louça direito e blá blá (me queimando geral)
(a sogra entra no papo, num tom de brincadeira)
– Credo Vanessa! (rindo é claro)
(a esposa retruca)
– É mentira mãe, ele que é chato demais…nem a pasta de dente eu posso apertar no meio (mania de ambos e treta na certa se eu apertar no meio)

Ame seu homem, mas odeie suas manias! rsE é assim meu bem! Na segunda ou terceira semana, você vai conhecer com quem realmente se casou, por isso vai a dica para quem ainda não se amarrou e não conhece TODOS os defeitos do amado:

– Viagem de 4 dias ou mais com ele, longe de tudo e de todos (pode ser que caia a máscara)
– Tente passar mais tempo com ele, principalmente se vocês só se veem de vez enquando. Você precisa descobrir e informar o que vc e ele gostam e não gostam. Se não der certo, seja cara de pau e pergunte: Qual suas manias rapá! =P
– Tenha um papo secreto com a sogra, ela convive com ele e sabe todos esses detalinhos do dia a dia, que podem virar um terror para você todos os dias, hehehe

Espero ter ajudado!

Precisa de ajuda, de dicas, quer desabafar? Me escreva! Terei o maior prazer em ajudar!

Beijos

Faça uma viagem com ele pra Serra Negra! Olha essa vista que TUDO!

%d blogueiros gostam disto: